ASSOCIAÇÃO DE ARMADORES DA MARINHA DO COMÉRCIO

​                                         Bem vindo ao sítio da AAMC - Associação de Armadores da Marinha de Comércio

 

  1. Constituição

 

A Associação de Armadores da Marinha de Comércio, com Sede no Edifício da Gare Marítima da Rocha do Conde de Óbidos, 2º Piso, Sala B, Cais de Alcântara, 1350 – 352 Lisboa, foi constituída em 22 de Novembro de 1995.

 

A constituição da AAMC foi registada no 2º Cartório Notarial de Lisboa em 22 de Novembro de 1995 e publicada no Diário da República nº 282, III Série, de 7 de Dezembro de 1995.

 

A AAMC foi inscrita na Direcção – Geral de Contribuições e Impostos em 30 de Janeiro de 1996, com o nº de Pessoa Colectiva 503 613 347 e no Centro Regional de Segurança Social de Lisboa e Vale do Tejo com o nº 133571065/2.

 

   2. Objeto

 

A AAMC, nos termos do Artigo 3º dos seus Estatutos, tem por fim a defesa dos interesses das Empresas que dedicam a sua atividade, direta ou indiretamente, à indústria dos transportes marítimos, promovendo em todos os seus aspetos o seu desenvolvimento e a cooperação com congéneres estrangeiras

 

   3. Atividade

 

A AAMC iniciou a sua actividade em 30 de Janeiro de 1996 e, desde então, procurou desenvolver, em diálogo directo com a Administração Marítima Portuguesa, o sector dos transportes marítimos nacional, ciente do seu importante contributo para o emprego dos marítimos portugueses; nesta acção, buscou apoios e parceiros movidos pelo mesmo objectivo e, simultaneamente, delineou uma estratégia orientada para (1) a divulgação da sua imagem e representatividade (2) o incremento da sua dimensão.

 

No desenvolvimento desta estratégia o primeiro passo levou-a a filiar-se na ECSA – European Community Shipowners’ Associations, para, assim, conviver com as suas congéneres e com as instituições europeias. Mais recentemente, concretizou o desde sempre pretendido alargamento da sua filiação na ICS – International Chamber of Shipping, quando se reuniram as condições para tal; com este passo abriu-se totalmente uma janela para o meio envolvente do “shipping” internacional, acedeu-se à vasta gama de publicações produzidas pela ICS e que são a parte vital da sua actividade (diplomas reguladores, melhores práticas e orientações) e assim se criaram condições susceptíveis de motivar à filiação na AAMC.

 

Este novo passo está a ser promovido junto das empresas representativas do sector e foi recentemente alargado às que exercem actividades afins pretendendo-se, assim, criar o embrião de um “cluster do mar” o qual, até agora, só existe em Portugal como conceito; oferece-se, como contrapartida, a possibilidade de acompanharem e participarem na actividade da indústria do “shipping”, a nível nacional, europeu e internacional.

 

Os resultados já obtidos mostram-se promissores. Embora lenta mas progressivamente estamos a voltar aos mares que antes navegámos, aos mares que nos separam dos demais mas que também nos une, em suma, ao mar a que sempre pertencemos. Esperamos, num futuro próximo, reunir condições para participar mais efectiva e activamente nos trabalhos dos “Committees” e “Working Groups” que integram as estruturas da ECSA e da ICS e, quando tal se concretizar, a janela a que atrás aludimos configurar-se-á numa porta para o meio envolvente do “shipping” internacional.

 

                                    

 

                                                              

 

 

                                                                  Associação de Armadores da Marinha de Comércio

                                                               

                                                              

 

 

 

 

 

“Reunir-se é um começo, permanecer juntos é um progresso, e trabalhar juntos é um sucesso.”